Idosos precisam se cadastrar para receber benefício



Os idosos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) precisam estar cadastrados no Cadastro Único (Cad-Único) até o dia 31 de dezembro. A exigência é do Governo Federal que determina a suspensão do pagamento a partir dessa data para os que não tiverem o nome inserido no Cad-Único. Em Aracaju, 6.694 idosos ue recebem o BPC e desses, 3.504 idosos ainda não estão cadastrados no Cad-Único.

O BPC consiste no pagamento de um salário mínimo mensal a pessoas com 65 anos de idade ou mais e a pessoas com deficiência. Para a concessão do benefício, em ambos os casos, a renda mensal bruta familiar per capita deve ser inferior a ¼ (um quarto) do salário mínimo vigente.

FotoOs idosos que recebem o BPC e ainda não fazem parte do Cadastro Único podem realizar esse cadastramento em qualquer Centro de Referência da Assistência Social (Cras) de Aracaju. Caso o idoso tenha algum problema que dificulte a sua locomoção, ele pode pedir Ao Responsável familiar que vá até o Cras mais próximo de sua residência, faça um agendamento e o cadastrador fará o cadastramento na própria casa do usuário.

A inscrição no Cadastro Único, além de manter o BPC, permite o acesso a vários outros programas sociais, como a Tarifa Social de Energia Elétrica e a Carteira do Idoso.

roda_de_conversa___cras_(5)O responsável pela família do idoso pode fazer o cadastramento, levando os documentos de todos que moram na residência, como: CPF, Certidão de Nascimento, Certidão de Casamento, Carteira de Identidade (RG), Carteira de Trabalho ou Título de Eleitor e um comprovante de endereço, que pode ser conta de água ou luz, para facilitar o preenchimento do cadastro.